Projeto de Escrita Mensal UA • O que aprendi com a blogosfera

Mais um projeto dos blogs aliados do Universo Alternativo! Desta vez o post é sobre "O que aprendi com a blogosfera."




Nestes anos todos que acesso a blogosfera aprendi muita coisa. Boa parte das coisas foram subjetivas. E vai ser difícil essa postagem não sair piegas.

"Convivendo" virtualmente adquiri mais consciência sobre muitas coisas, desde amizade à distância até sobre sentimentos humanos. E esse tipo de aprendizado nem sempre é possível colocar em palavras, como a sensação de ser parte de algo que envolve muitas pessoas que você gosta e/ou admira ou as nuances de empatia em diversas situações. O aprendizado de que entre as semelhanças também existem diferenças e ninguém deixa de ser amigo virtual por conta disso porque o que os une é maior do que o que separa.

Blogs são uma forma de companhia, cria-se um laço com algo que conforta. Mesmo estando longe, um clique nos faz parecer mais perto e parte de tudo.

Aprendi que amizades virtuais por várias vezes nada tem de superficiais. Algumas amizades virtuais são apenas distantes, mas são tão próximas em termos intelectuais e emocionais quanto as amizades "reais". Eu poderia dizer que tem blogueiras alternativas que acompanho e que não imagino minha vida sem elas. Quero dizer: o quanto ficaria chato se todas elas decidissem acabar seus blogs, eu sentiria muita falta.

Aprendi que blog é ter um espaço só seu pra fazer o que quiser, é um espaço de muita liberdade. Eu poderia dizer que é espaço de mais liberdade que temos, já que as redes sociais costumam bloquear quem publica certos conteúdos. Aprendi isso ao notar que eu podia jogar o que quisesse nos meu blogs, independente de quem fosse ler.

Aprendi que blog também é um espaço de troca embora isso não seja necessário pra um blog sobreviver.

Você pode criar um blog esperando comentários, mas você não precisa dos comentários pra sobreviver. Um blog pode viver por anos com comentários fechados ou ocasionais apenas se valendo da vontade do autor em se expressar.

Aprendi que os blogs alternativos exercem uma baita função que é ser um canto de apoio aos que estão se sentido perdidos por aí nesse Brasil, necessitando de identificação com pessoas semelhantes.

Aprendi que ter blog também é ter responsabilidade sobre o que se publica. Não é certo sair por aí destilando preconceito em postagens ou informando coisas erradas. Mesmo quando fazemos uma postagem desabafo sobre os mais variados assuntos pessoais, aquilo vai chegar em várias pessoas e gostando ou não, podemos influenciá-las ou mexer com as energias delas, fazendo-as se sentirem melhores ou piores.

Mas a blogsfera é assim mesmo. É um espaço de expressão democrática. É um espaço pra todos. É um aprendizado sobre liberdade e tolerância!

Blogues que sinalizaram interesse em participar dos projetos:
4sphyxi4 
Lady Dark's

Alternativa GG
Admirável Inconstância
Vultus Persefone
Eccentric Beauty
Relíquias da Lara
Panzoca
Women Rocker
Alkymist
Necro Side
This is my world
All Mine
Rumor and Horror
Tory Belmont
Corp. Goth. Ltda

Dias de Cheshire
Jess Ribeiro
Trilunaa
Sexo,Fraldas e Rock n Roll 


Projeto de Escrita Mensal UA
Janeiro • A História do meu Blog Fevereiro 
• O que aprendi com a blogosfera.
Março • Tudo aquilo que me inspira hoje.
Abril • 5 blogs que sigo e admiro! (Underground, please!)
Maio • Coleção de fotos que nunca publiquei.
Junho • Três postagens antigas favoritas.
Julho • Sobre meu estilo pessoal.
Agosto • Memórias da minha infância / adolescência.
Setembro • 10 coisas pelas quais sou grata!
Outubro • Sobre amores da minha vida.
Novembro • Vivendo na era digital.
Dezembro • O que este ano me ensinou?

7 comentários:

  1. Nada de "piegas" seu post, me vi em várias partes aí! <3 Eu concordo muito sobre se sentir parte de algo... há muito tempo atrás, vivia me perguntando se havia algo de errado comigo em ser tão "do contra" daqui onde vivo, e depois que tomei coragem de levar um blog à sério, percebi que o problema estava no senso comum. E fiquei feliz em encontrar pessoas tão diferentes, com gostos semelhantes, com as quais pude aprender muitas coisas...

    Fiquei curiosa pra saber suas blogueiras favoritas, heuhe! Você parece ser tão exigente! Adorei o post, Sana! Beijão :3

    4sphyxi4.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Jaqueee, o post tava piegas é que de última hora eu editei as xurumela kkkkk!! :D
      Isso é o legal dos blogs, ser parte de um grupo que divide gostos parecidos!
      Ai que vergonha rsrs, gosto de autenticidade! Acredito que eu siga praticamente os mesmos blogs que você! ;D
      Bjsss

      Excluir
  2. Eu fico muito triste quando vejo algum blog que gosto abandonado ou quando alguém realmente se despede e exclui o blog, pois crio um vinculo enorme com os textos que leio e me identifico. Com certeza tenho mais amigos virtuais que fisicamente presentes, e com os virtuais me identifico mais rs Ver pessoas com gostos de moda, música e sentimentos parecidos com os meus me faz sentir menos sozinha e incompreendida.
    www.rumorandhorror.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em termos alternativos eu tenho mais amigos virtuais. E os considero super importantes de alguma forma! Me sinto mais compreendida também, essa é a mágica dos blogs <3

      Excluir
  3. Oi, Sana!
    No fim do ano passado e no começo desse ano aconteceram dois episódios em que vi como podermos ser fortes e como é massa nos apoiarmos! Primeiro: a pedidos, várias blogueiras voltaram a postar em seus blogs. E nem só blogueiras, MUITA GENTE pedido pra voltarem, que preferiam a plataforma do blog e etc. Eu achei esse revival sensacional! A segunda coisa é que duas lojas alternativas e perguntaram quais blogueiras as pessoas mais gostavam e as minas alternativas começaram a se indicar! <3 Eu achei isso MARAVILHOSO e me deu um super ânimo pra continuar postando! Hoje em dia eu isolo as coisas ruins da blogosfera. Na real, é tanta coisa boa ultimamente, as minas todas se unindo e etc, que as coisas bons até ofuscam totalmente as coisas ruins. Sobre seus aprendizados: também foram coisas que fui aprendendo ao longo do tempo e confesso que agora que sei tudo isso, blogar se tornou muito mais gostoso! Um beijão pra ti!

    www.vultuspersefone.blogspot.com

    ResponderExcluir
  4. As pessoas tem a ideia de que o que tá na internet é sempre superficial, até fake, mas não é bem assim, né? Afinal, quem tá publicando ali são pessoas de carne e osso, com sentimentos e opiniões, e o que a gente vê aqui nos afeta, apesar de sentimentos não poderem atravessar tela de celular e PC. Falando sobre blog,s é exatamente isso: o tempo passa, a gente cresce, e as pessoas que nos acompanham crescem junto. tem aquele vínculo que pode chegar a ser tão forte quanto os da vida fora da internet. Sem contar que na rede é muito mais fácil a gente se ligar a pessoas que se assemelham a nós! ^^
    Um beijo!

    ResponderExcluir
  5. "Responsabilidade com o que se posta", adorei! Já vi muitos blogs divulgando noticias erradas e até mesmo grandes veículos de midia que, por exemplo, postam noticias sobre jogos e afins sem que os redatores sequer conhecem do que estão falando e ficam cheio de datas, fontes, nomes errados. Veiculos de midia grandes até acho "perdoavel" porque sabemos que eles são pincelam as coisas no geral e não se aprofundam, mas blogs que deveriam ser próximos do que estão falando é mancada.

    Eu me sinto diferente em relação a comentários. Não consigo viver sem, me sinto ignorada, preciso de pessoas que dialoguem ou discutam comigo para criar interação, para saberem o que estão achando.

    E eu mudei muito minha opinião sobre amizade virtual depois de conversar com as pessoas pela blogosfera, tem pessoas que tenho amizade de anos e moram longe que me sinto bem melhor conversando do que as pessoas que vejo todo dia. Pessoas que mesmo morando longe, escolhi ter ao meu lado.

    Bites!
    Tary Belmont

    ResponderExcluir

Obrigada pela interação. Os comentários serão respondidos aqui mesmo ^-^